COMUNICADO N.º 10/2020, DE 16 DE SETEMBRO | PASSAR DAS PALAVRAS À AÇÃO

O Sindicato dos Trabalhadores dos Impostos (STI) remeteu um conjunto de questões à Direção de Serviços de Gestão dos Recursos Humanos da AT (DSGRH) (ver AQUI), no passado dia 5 de agosto, que têm sido colocadas pelos sócios.

Face à ausência de resposta, a Direção Nacional (DN) pediu reunião à Direção Geral da AT, com caráter de urgência, que se realizou no passado dia 10 de setembro, com a presença da Sr.ª Diretora Geral da AT (DG) e da Sr.ª Diretora da DSGRH.

Nesta reunião, além das questões suprarreferidas, foram abordadas também as questões relacionadas com a regulamentação do DL 132/2019 de 30/08, entre outras outras. Demos conta que a demora excessiva dos vários procedimentos e a ausência de informação face ao estado dos mesmos é incompreensível para os Trabalhadores e que, caso não haja sinais concretos sobre a conclusão dos procedimentos pendentes durante este mês de setembro, o STI terá de avançar com medidas, nomeadamente a interposição ações judiciais.

A DG referiu que é importante manter-se um espírito de confiança, pois pretende concluir todas as questões que se encontram pendentes para se virar uma página na AT e que está comprometida com isso, realçando que a DSGRH tem estado a trabalhar nos vários assuntos e que está a fazer tudo para que os Trabalhadores tenham os procedimentos concluídos rapidamente, porque merecem, tendo zelado para que, em termos orçamentais, haja cobertura para garantir a conclusão dos mesmos. Concordamos que o espírito de confiança na Administração e na Tutela é fundamental para o desempenho de funções em ambiente laboral saudável. No entanto, realçámos, mais uma vez, que a confiança não se constrói apenas com palavras, mas com sinais e ações concretas, com a calendarização e cumprimento dos prazos estipulados.

Os desenvolvimentos dos vários assuntos abordados na reunião podem ser consultados AQUI.

 

LEIA MAIS:

COMUNICADO 10/2020, DE 15 DE SETEMBRO

RESUMO DAS QUESTÕES ABORDADAS NA REUNIÃO – PONTO DA SITUAÇÃO